Glossário

Anejaculação

Ausência de ejaculação, orgasmo e sensação ejaculatória.

Aspermia

Ausência de fluido ejaculado na presença de orgasmo e sensação ejaculatória. O mesmo que “orgasmo seco”.

Astenospermia

Motilidade menor que 50% de espermatozóides progressivos.

Azoospermia

Ausência de espermatozóides no sêmen.

Criptozoospermia

Somente alguns esparsos espermatozóides em todo o ejaculado.

Ejaculado

Líquido liberado no momento da ejaculação; o mesmo que sêmen.

Hiperespermia

Volume de sêmen ejaculado maior que 5,0 ml.

Hipospermia

Volume de sêmen ejaculado menor que 2,0 ml.

Leucospermia

Ejaculado com alta concentração de leucócitos, o que sugere infecção.

Necrozoospermia

Ejaculado com pelo menos 75% dos espermatozóides mortos.

Normozoospermia

Sêmen ejaculado sem alterações, segundo os critérios de normalidade.

Oligoastenoteratozoospermia

Alteração das três variáveis no sêmen.

Polizoospermia

Concentração espermática maior que 250 milhões/ ml, ou maior que 600 milhões por ejaculado.

Teratozoospermia

Menos de 4% de espermatozóides com morfologia normal (segundo parâmetros da Organização Mundial da Saúde, de 2009)